Páginas

terça-feira, 22 de julho de 2014

sexta-feira, 11 de julho de 2014


Quando finda a noite e inaugura um novo dia?
Me tiraste a noção de tempo...
Sua pele macia a me acariciar
Me alimenta de te amar
Onde termina eu e começa vc?
Eu não sei dizer...
Me tiraste a noção de espaço
E dado o meu corpo ao teu
Te dou a sutileza de te devorar
Sem te machucar
É que só quero teu amor
e a brisa leve
Ter lua de mel
Plantar uma flor
Colher as estrelas do céu.
Ao infinito vamos viajar
Permaneça em mim
Vou te provar


Seus beijos na madrugada
Alimentam minha alma
Que só já não quer viver
Mas também não quer se prender
O que precisamos é
um amor verdadeiro
Que consuma a lenha,
Que nos tenha
Que nos leve
Livre, juntos,
ao infinito e além!
Harmonia cor de lã
Um cheirinho de maçã...